O que são exames de imagem? Para que servem?

Por Dr. José Aldair Morsch, 23 de janeiro de 2017
O que são exames de imagem? Para que servem?

A radiologia médica, campo que engloba exames de imagem, agrega contribuições essenciais para a medicina atual.

Graças a esses procedimentos, é possível investigar a anatomia e o funcionamento dos tecidos humanos de forma não invasiva, ou seja, sem precisar de cirurgia para que sejam vistos.

Seja empregando diferentes tipos de radiação ou tecnologias que amplificam sinais emitidos pelo organismo, os testes de diagnóstico por imagem revelam anomalias e permitem tratamentos com baixo risco à saúde do paciente.

Neste artigo, falo sobre conceitos, finalidades e indicações para os principais exames de imagem – radiografias, tomografias, ressonância magnética e ultrassom.

Acompanhando o texto até o final, você também vai conhecer soluções inteligentes para otimizar a emissão dos laudos para esses testes através da telemedicina.

Solicite um orçamento

Interessado? Então, continue lendo.

Exames de imagem: o que são?

Exames de imagem: o que são?

Exames de imagem: o que são?

Exames de imagem são procedimentos que servem para observar partes internas do organismo, apoiando diagnósticos ou abordagens terapêuticas.

A maior parte desses testes permite o estudo do corpo de maneira não invasiva, indolor e rápida, o que explica a sua popularização em países de todo o mundo.

Para se ter uma ideia, relatório da ONU aponta que, entre 1991 e 1996, foram realizados 2,4 bilhões de exames em imagiologia médica no planeta.

O número saltou para 3,6 bilhões entre 1997 e 2007, sendo que a radiografia de tórax representa 40% de todos os testes de diagnóstico por imagem.

Para que servem os exames de imagem?

Para que servem os exames de imagem?

Para que servem os exames de imagem?

De maneira geral, os exames de imagem servem para estudar áreas internas do organismo, identificando padrões e anormalidades.

Dependendo do procedimento, podem fornecer imagens estáticas ou em movimento, a exemplo das ultrassonografias.

Daí as diferentes aplicações para os testes em imagiologia, que oferecem informações preciosas para avaliar a eficácia de tratamentos, constatar o impacto de lesões e apoiar diagnósticos de diferentes doenças.

Fraturas ósseas, pneumonia e tuberculose podem ser estudadas a partir de simples radiografias, enquanto doenças cardiovasculares são observadas em detalhes nos registros de uma ressonância magnética.

Há, ainda, os procedimentos que servem para rastreamento de patologias de alta incidência em grupos específicos, como a mamografia.

Considerado padrão ouro para o diagnóstico precoce do câncer de mama, o exame é recomendado para acompanhamento de mulheres a partir dos 50 anos, quando a doença é mais frequente.

Tipos de exames de imagem

Tipos de exames de imagem

Tipos de exames de imagem

Existem vários tipos de testes de diagnóstico por imagem, que incluem desde uma radiografia simples até exames em medicina nuclear, como a cintilografia – procedimento que emprega isótopos radioativos para a observação de lesões e doenças, como o câncer.

Listo, a seguir, os tipos de exames de imagem mais presentes na rotina dos serviços radiológicos:

Falarei mais desses testes nos próximos tópicos.

Laudos de exames de imagem a distância: é possível?

Laudos de exames de imagem a distância: é possível?

Laudos de exames de imagem a distância: é possível?

Sim, é possível obter laudos a distância para os testes de diagnóstico por imagem.

Graças à tecnologia atual, os registros gerados por aparelhos digitais podem ser compartilhados com toda a segurança e qualidade, permitindo sua interpretação e emissão do laudo remotamente.

Para isso, eles devem obedecer aos padrões exigidos na Resolução CFM Nº 2.107/14, a exemplo da guarda das imagens radiológicas em formatos como o DICOM (Digital Imaging Communications in Medicine).

Assim, os arquivos chegam com clareza suficiente aos especialistas responsáveis por sua interpretação a distância.

A transmissão das imagens para os laudos segue o protocolo estabelecido pelo sistema PACS (Picture Archiving and Comunication System), que garante segurança no compartilhamento.

Como funcionam os laudos de exames de imagem à distância

Como funcionam os laudos de exames de imagem à distância

Como funcionam os laudos de exames de imagem à distância

Os laudos online funcionam a partir de uma dinâmica simples.

Primeiro, um médico, enfermeiro ou técnico de radiologia conduz o exame normalmente, usando um equipamento digital.

O aparelho capta os sinais durante o teste e os envia a um computador com software específico, que os converte em imagens formadas por pixels.

Dependendo do dispositivo, é possível que seja configurado para enviar os arquivos automaticamente ao PACS de uma empresa de telemedicina, que emitirá o laudo.

Mas, mesmo que essa opção não esteja disponível, o técnico pode compartilhar as imagens acessando a plataforma de telemedicina com seu login e senha.

Em seguida, radiologistas logados no sistema visualizam os arquivos e os avaliam sob a luz de dados como a suspeita clínica e histórico do paciente.

Eles elaboram o laudo médico e inserem sua assinatura digital no documento, liberando-o na plataforma para que seja salvo, impresso ou enviado ao médico solicitante.

Todo o processo dura, em média, 30 minutos.

Benefícios dos laudos de exames de imagem à distância

Benefícios dos laudos de exames de imagem à distância

Benefícios dos laudos de exames de imagem à distância

Agora que já conhece a dinâmica para a emissão de laudos de exames de imagem a distância, você pode estar se perguntando por que contratar esse serviço.

Uma das razões mais evidentes é a redução de custos, já que o laudo remoto custa menos que aquele emitido localmente.

Isso porque ele não inclui gastos com a contratação de especialistas, compra de acessórios para impressão, filmes radiológicos ou espaço físico para arquivamento.

A seguir, confira outros motivos para investir na emissão de laudos a distância via telemedicina.

1. Laudos de exames de imagem 24 horas por dia e sem interrupções

Empresas bem estruturadas, como a Telemedicina Morsch, mantêm seu sistema funcionando de forma ininterrupta, garantindo o atendimento de demandas a qualquer momento.

Dessa forma, o cliente pode solicitar laudos online e ser atendido prontamente, mesmo durante a madrugada, finais de semana e feriados.

2. Laudo realizado por especialistas a distância

Ainda que você tenha radiologistas em seu quadro de funcionários, eles certamente desempenham uma série de tarefas durante a jornada de trabalho.

Os especialistas da empresa de telemedicina, por outro lado, ficam dedicados apenas à composição de laudos, o que lhes confere maior agilidade e destreza.

É por isso que os resultados são liberados em minutos no portal.

Além disso, contar com o suporte dos laudos remotos alivia a sobrecarga de trabalho dos radiologistas locais, que ganham mais tempo para atender aos pacientes e coordenar o serviço radiológico.

3. Somente médicos especialistas interpretam os exames de imagem

De acordo com o Conselho Federal de Medicina, o laudo é um documento de responsabilidade de especialistas qualificados na área do exame, não importando que seja emitido in loco ou a distância.

Portanto, a Morsch possui uma equipe de 20 especialistas, incluindo radiologistas, para interpretar os testes de imagem com confiabilidade.

Para conferir autenticidade, os resultados são acompanhados pela assinatura digital do médico que analisou o exame.

4. Armazenamento dos laudos de exames de imagem com segurança na nuvem

Nuvem é um local de armazenamento na internet que hospeda diversos programas, inclusive a plataforma de telemedicina.

Esse fato possibilita que os laudos compartilhados fiquem salvos automaticamente na nuvem, acessíveis a partir de alguns cliques durante pesquisas futuras.

Os arquivos digitais também não se deterioram pela ação do tempo ou manuseio descuidado, como acontece com os filmes radiológicos.

A fim de garantir o sigilo médico-paciente e impedir o acesso por pessoas não autorizadas, o sistema conta com mecanismos de proteção como senhas e criptografia.

5. Opção de segunda opinião médica de especialistas quando solicitado

A Morsch oferece apoio e segunda opinião para esclarecer dúvidas sobre os laudos, sem burocracia ou cobrança de taxas adicionais.

Basta que o cliente acesse o portal de telemedicina e solicite o serviço.

Exame de raio X, qual sua utilidade atual?

Exame de raio X, qual sua utilidade atual?

Exame de raio X, qual sua utilidade atual?

A radiografia tem como principal objetivo analisar fraturas e infecções dos ossos, tórax e pulmões.

Portanto, o exame é indicado para pessoas com diferentes sintomas, desde que não sejam prejudicadas pela emissão de radiação ionizante.

Geralmente, o raio X não é recomendado para mulheres grávidas e crianças.

Como é realizado um raio X convencional?

Primeiro, o paciente é posicionado sobre a maca do equipamento de raio X.

Em seguida, o aparelho emite elétrons de uma fonte de radiação controlada, localizada em sua parte superior.

Ao colidirem com átomos, os elétrons formam diferentes imagens – tanto analógicas, em aparelhos antigos, como digitais, nos mais modernos -, que são enviadas para um serviço de telemedicina através da plataforma em nuvem.

Tomografia, conceito e indicações

A tomografia é uma espécie de raio X amplo e detalhado, trazendo maior resolução e quantidade de imagens.

Esse exame permite a reconstrução do corpo tridimensionalmente, sendo indicado principalmente para análise de estruturas que não aparecem no raio X convencional, como edemas e cálculos renais.

Na tomografia, os feixes de elétrons são emitidos de modo circular, por meio de um tubo, captando imagens em todas as direções.

Ultrassonografia

Utilizada para análises de estruturas abdominais, musculares ou vasculares.

O ultrassom é capaz de identificar problemas de tireoide, pedras nos rins e até mesmo doenças mais sérias, como tumores.

O exame é realizado por meio de um equipamento que ecoa as ondas sonoras do organismo, sem qualquer tipo de radiação.

Ressonância magnética, conceito e indicações

Também realizado sem radiação, o teste produz imagens precisas e de alta resolução, viabilizando um estudo mais completo dos tecidos do organismo.

A ressonância magnética é indicada para visualizar ossos, coração, pulmões, tórax e vasos sanguíneos em detalhes.

Como é realizada uma ressonância magnética?

Por meio de um “imã gigante”, o aparelho da ressonância produz um campo magnético que alinha moléculas de hidrogênio e água.

Depois, o equipamento registra as imagens e gera arquivos digitais, que podem ser analisados a distância por empresas de telemedicina.

Percebeu que todos esses exames de imagem já podem ser realizados por empresas de telemedicina?

Percebeu que todos esses exames de imagem já podem ser realizados por empresas de telemedicina?

Percebeu que todos esses exames de imagem já podem ser realizados por empresas de telemedicina?

Fruto da combinação entre telemedicina e radiologia, a telerradiologia garante resultados ainda mais precisos após a realização dos exames, pois sua interpretação conta com recursos digitais que permitem dar zoom, aumentar o contraste e evidenciar achados.

A boa notícia é que essa disciplina já atende aos principais testes de diagnóstico por imagem, solucionando problemas como a carência de especialistas em locais remotos.

Pequenas clínicas e consultórios podem treinar um técnico de radiologia para que realize exames simples, que serão laudados pelos especialistas da empresa de telemedicina.

Dessa forma, moradores de cidades pequenas não precisam se deslocar até grandes centros urbanos para fazer uma ultrassonografia, tomografia ou mamografia com qualidade.

O serviço de laudos a distância também fornece um reforço importante em épocas de grande demanda por exames de imagem, acabando com as filas de espera por resultados.

Afinal, os laudos ficam prontos em minutos, podendo ser entregues ao paciente no mesmo dia do exame.

Sobre a Telemedicina Morsch

Sobre a Telemedicina Morsch

Sobre a Telemedicina Morsch

A Morsch foi uma das empresas pioneiras na oferta de serviços de telemedicina para diversas especialidades no Brasil, através de um sistema completo e uma equipe eficiente de especialistas.

Nossa plataforma é totalmente otimizada para a interpretação de exames de imagem, permitindo o envio de arquivos em formato DICOM para o PACS de modo automático e o compartilhamento por meio de acesso ao portal.

Atualmente, atendemos aos seguintes testes radiológicos:

  • Radiologia geral (diferentes tipos de radiografia)
  • Rx de tórax padrão OIT
  • Mamografia digital
  • Densitometria óssea
  • Tomografia computadorizada
  • Ressonância nuclear magnética.

Além do serviço de laudos digitais, os clientes têm acesso a suporte remoto para a configuração de equipamentos, segunda opinião qualificada e capacitação a distância para técnicos de radiologia.

Compostos por conteúdos simples e boas práticas na condução de testes de diagnóstico por imagem, os treinamentos ficam disponíveis 24 horas por dia na plataforma, podendo ser realizados em momentos tranquilos.

Conclusão

Apresentei, neste artigo, informações sobre os principais exames de imagem e suas aplicações nas unidades de saúde.

Ficou clara a importância da telemedicina nesse contexto, pois ela democratiza o acesso aos procedimentos, cobrindo a carência de radiologistas para a interpretação dos testes.

A telemedicina radiológica também impacta hospitais, consultórios e clínicas de forma positiva, agregando agilidade e eficiência à entrega de laudos.

Deixe que a Morsch auxilie na otimização do seu serviço, aumentando as receitas e a produtividade da sua equipe.

Teste grátis nossa plataforma, ou, se preferir, entre em contato para saber mais.

Se achou este texto interessante, compartilhe nas redes sociais.

Referências Bibliográficas

Comunicar os Riscos de Radiação em Imagiologia Pediátrica: Informação de Apoio ao Diálogo sobre benefícios e riscos – Organização Mundial de Saúde

Resolução CFM Nº 2.107/14 – Define e normatiza a Telerradiologia – Conselho Federal de Medicina.

Principais Exames – Portal do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem

Dr. José Aldair Morsch
Dr. José Aldair Morsch
Cardiologista
Médico formado pela FAMED - FURG - Fundação Universidade do Rio Grande - RS em 1993 - CRM RS 20142. Medicina interna e Cardiologista pela PUCRS - RQE 11133. Pós-graduação em Ecocardiografia e Cardiologia Pediátrica pela PUCRS. Linkedin

COMPARTILHE

Entre em contato por WhatsApp
Enviar mensagem pelo WhatsApp