A Telerradiologia é uma especialidade dentro da Telemedicina

Por Dr. José Aldair Morsch, 11 de abril de 2017
telerradiologia

A telerradiologia já faz parte de nossas vidas. O radiologista precisa ter um conhecimento atualizado sobre evoluções tecnológicas que atuam na área da saúde, a fim de melhorar a rotina da profissão e o atendimento ao paciente. 

Isso significa usar o PACS dentro da clínica onde faz os exames ou acessar uma plataforma de telemedicina em nuvem com seu próprio PACS onde recebe exames de várias clínicas e hospitais e tem seu próprio grupo de radiologistas em tempo integral.

Ao utilizar um serviço de Telemedicina para enviar os arquivos digitais dos exames de imagem para serem laudados por radiologistas, o cliente está praticando a telerradiologia.

Neste artigo falo sobre o telerradiologia conceito, como funciona, principais exames e seus benefícios para clínicas e hospitais sem radiologistas em tempo integral.

Você sabe o que é a Telerradiologia?

Você sabe o que é a Telerradiologia?

Você sabe o que é a Telerradiologia?

Solicite um orçamento

Basicamente, essa é uma técnica da telemedicina em que médicos e radiologistas possuem um acesso remoto a exames que são realizados em outras localidades, permitindo assim uma elaboração de laudos a distância.

Ela pode ser uma ótima ferramenta para você que está procurando economizar na sua clínica e quer oferecer aos seus pacientes um exame radiológico com mais qualidade e agilidade.

E se você já usa, mas está insatisfeito com o método, neste artigo nós vamos detalhar como a telerradiologia pode ser benéfica para você e sua clínica se utilizada corretamente. Implantar esse sistema pode ser uma excelente alternativa de investimento.

Se você é um médico que gosta de estar informado e atualizado com os melhores procedimentos atuais do mercado, acompanhe nossa discussão sobre esse assunto!

A história da Telerradiologia

A história da Telerradiologia

A história da Telerradiologia

Você já deve ter ouvido falar que a telerradiologia é uma especialidade consagrada, capaz de fornecer laudos de exames radiológicos de qualidade com agilidade, não é mesmo?

Se engana se você pensa que essa é uma técnica nova; na verdade ela já tem uma longa história.

A telemedicina na radiologia é uma ferramenta útil de diagnóstico e consultoria remota que possui uma história de quase meio século.

A técnica é constituída por diversos avanços nos campos da informática e telecomunicações que permitem que a informação seja transmitida digitalmente por longas distâncias.

As primeiras pesquisas para aperfeiçoar técnicas de circuito fechado e transmissão de televisão para a transmissão de imagens médicas capturadas por raios-x foram realizadas na década de 70.

Uma descoberta foi registrada quando o Dr. Kenneth T. Bird instalou um sistema de televisão interativo que conectou o hospital a um aeroporto.

Nos anos 80, houveram os primeiros registros de teleradiologia, porém de modo bem diferente do que é apresentado atualmente.

A técnica consistia em cópias físicas de filmes que eram enviados por correio a um radiologista, que gravava um relatório em uma fita cassete.

Depois, o mesmo arquivo era enviado de volta ao local de origem para transcrição em um relatório em papel.

O modelo passou por diversas modificações até chegarmos ao sistema como conhecemos, que foi instituído e reconhecido em 1994 no Colégio Americano de Radiologia.

A telerradiologia tem acompanhado os avanços tecnológicos e cada vez mais tem aprimorado suas técnicas.

A partir de 2010, os conceitos e procedimentos foram ampliados através da computação em nuvem.

Telerradiologia no Brasil

Telerradiologia no Brasil

Telerradiologia no Brasil

A telerradiologia no Brasil iniciou junto com a radiologia digital no ano de 1990.

A partir do momento que foi possível gravar as imagens em arquivos digitais, as clínicas de radiologia puderam enviar esses arquivos para um PACS em nuvem que pode ser acessado por um radiologista conectado na internet.

Ao discutir sobre a legalidade desse procedimento, a resolução do CFM Nº 2.107/14, regula a telerradiologia, exige que esse profissional tenha registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) em seu estado de atuação, podendo laudar os exames para qualquer estado no Brasil.

Mas, o que é a Telerradiologia?

Mas, o que é a Telerradiologia?

Mas, o que é a Telerradiologia?

Basicamente, a Telerradiologia conceito é uma prática que permite que imagens médicas sejam interpretadas por um radiologista que não está presente no local onde as imagens foram geradas.

A telerradiologia é uma especialidade utilizada por hospitais e empresas de imagem de cunho público e privado que não disponibilizam um radiologista em tempo integral.

Ao estudarmos tudo sobre telerradiologia, percebemos que ela  surgiu fundamentalmente para aumentar a produtividade e diminuir os custos com o profissional qualificado da radiologia.

Nesse modelo, você não paga pelo serviço, mas sim pelo exame que necessita ser laudado.

A tecnologia é capaz de melhorar o atendimento ao paciente, permitindo que os radiologistas prestem serviços sem que precisem estar no mesmo local que o paciente, pois ele terá especialistas disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Mas para definirmos melhor o que é a telerradiologia, devemos ter a ideia de definição da palavra “radiologia”.

Como sabemos, a Radiologia é uma técnica de imagem utilizada pelos médicos para obter imagens internas do corpo.

Esse recurso é muito utilizado para diagnóstico ou tratamento.

Podemos citar como exemplo as radiografias, as ressonâncias magnéticas e os ultrassons.

Mas repare que há o prefixo “tele” à palavra.

O que isso tem a ver?

Bem, pense na palavra “telefone”, um dispositivo que permite que você chame alguém que está em outro lugar.

Na telerradiologia, isso significa que as imagens da radiologia são enviadas para outro lugar.

Sendo assim, as imagens e os estudos feitos usando as imagens são compartilhados com outros especialistas.

Por isso, ela pode ser extremamente benéfica.

Porque se um grupo de médicos utiliza a telerradiologia, a técnica pode colaborar para que todos ajudem no diagnóstico, mesmo estando distantes. Isso pode ajudar com a obtenção de segundas opiniões, e também contribui para um controle de sintomas.

Até recentemente, a radiologia á distância era usada somente em emergências.

Porém, com o avanço da tecnologia, a prática se espalhou rapidamente. Agora existem programas de computador e empresas dedicados especificamente ao envio de imagens radiológicas.

Quais são os principais exames em Telerradiologia?

Quais são os principais exames em Telerradiologia?

Quais são os principais exames em Telerradiologia?

1. Radiologia geral

Dentro dessa área podemos citar:

  • RX de tórax,
  • RX de abdome,
  • RX de articulações,
  • RX do esqueleto em geral,
  • RX de crãnio
  • RX de tórax padrão OIT

2. Mamografia digital bilateral

Este exame faz investigação de câncer de mama.

3. Densitometria óssea

Exame indicado para diagnóstico e acompanhamento de osteoporose em adultos.

4. Tomografia computadorizada

Exame de imagem que investiga patologias de órgãos internos como AVC, embolia pulmonar e vários tipos de câncer.

5. Ressonância nuclear magnética

Melhor exame de imagem para investigar diversas patologias que não foram devidamente avaliadas pela tomografia, como lesões em articulações e ligamentos e outras doenças do sistema nervoso central.

6. Cintilografia

  1. Para o esqueleto, rastreia metástases,
  2. Miocárdica para avaliar fluxo coronariano,
  3. Tireoide para avaliar câncer,
  4. Renal para avaliar nível de filtração

Como funciona a Telerradiolgia?

Como funciona a Telerradiolgia?

Como funciona a Telerradiolgia?

É uma especialidade médica que utiliza a internet para compartilhar os arquivos das imagens digitais, utilizando um PACS em nuvem para receber os arquivos e disponibilizar para os radiologistas uma área onde possam interpretar os exames e liberar os laudos médicos assinados digitalmente para o cliente.

O cliente envia os arquivos e em no mesmo dia tem o resultado dos exames disponíveis em sua área de trabalho para impressão, baixar no prontuário do paciente ou enviar para quem precisar por e-mail ou qualquer outra ferramenta que use a internet.

Quais são os benefícios de adotar a Telerradiologia  na minha clínica?

Quais são os benefícios de adotar a Telerradiologia  na minha clínica?

benefícios da Telerradiologia  na clínica

São diversos os benefícios que a telerradiologia pode oferecer a você.

Mas as maiores vantagens estão entre a redução de custos e a melhoria da qualidade dos seus laudos.

Como apontamos anteriormente, os custos ficam menores, pois é mais barato contratar um serviço terceirizado do que um radiologista próprio.

Obviamente o preço não é a única vantagem; há também a viabilidade a ser considerada.

Os programas oferecem uma equipe que estará sempre prontamente disponível para realizar os laudos e entregar o mais rápido possível, ao contrário do que aconteceria presencialmente.

Ele pode ser benéfico para você que possui um centro de imagem.

Seus laudos ficarão prontos com mais rapidez, podendo assim proporcionar um conforto aos seus pacientes e até mesmo ao seu consultório.

Hoje, os clientes prezam por estabelecimentos que ofereçam serviços de qualidade.

Além disso, em virtude da agilidade do envio de laudos, a telerradiografia é extremamente recomendada para casos de urgência.

Se, por exemplo, alguma pessoa se envolveu em um acidente grave e necessita de um raio-x, você poderá oferecer rapidamente o diagnóstico e os próximos procedimentos.

Os resultados sempre são entregues com qualidade para que você possa desenvolver o seu trabalho.

Viu só? A telerradiografia é um recurso que pode oferecer diversos benefícios a você e sua clínica.

Mas se ainda tem dúvidas quanto a aquisição do produto, veja como ele pode ter excelente custo-benefício…

Em média quanto custa implementar a Telerradiologia?

Em média quanto custa implementar a Telerradiologia?

Em média quanto custa implementar a Telerradiologia?

A telerradiologia possui uma positiva relação custo-benefício. Na verdade, ela é um investimento que você estará atribuindo à sua clínica para prestar melhores atendimentos.

Se seus laudos atrasam e você precisa colocá-los em dia, essa pode ser uma excelente opção.

Sabemos que a contratação de um radiologista na sua clínica pode gerar um custo anual de até R$ 300.000 reais.

Já um serviço terceirizado de RX  usando a Telemedicina na radiologia, pode custar entre R$ 10 a 20,00 por laudo.

Obviamente, o preço pode variar de acordo com a empresa que oferece o serviço.

Por isso, é importante procurar por uma empresa que tenha uma boa experiência de mercado e excelência na produção de laudos a distância.

Umas das grandes vantagens da telerradiologia é que você pode contratar os serviços sem o impedimento de férias, feriados ou finais de semana, pois as empresas que oferecem esse tipo de serviço possuem estruturas adequadas para todo tipo de demanda.

Além do mais, os custos com esse exame tornam-se variáveis e não fixos, pois ocorrem apenas quando de fato há uma demanda de radiologia, podendo assim gerar uma economia significativa para a sua clínica no fechamento das contas.

Conheça os serviços da Telemedicina Morsch para a Telerradiologia

Conheça os serviços da Telemedicina Morsch para a Telerradiologia

Conheça os serviços da Telemedicina Morsch para a Telerradiologia

Os serviços da Telemedicina Morsch oferecem um grande diferencial no mercado.

Se você está insatisfeito com os seus laudos e está procurando por uma empresa que os ofereça online e com qualidade, conheça os produtos da empresa.

É importante destacar ainda que a Telemedicina Morsch usa um sistema de telerradiologia que é homologado pela ANVISA, garantindo assim eficiência e proteção dos procedimentos realizados.

Mas o melhor de tudo é que você pode adquirir esse produto por um excelente custo-benefício.

Esse pode um ser um excelente investimento para você, médico, que quer enviar os exames e laudos com praticidade e atrair cada vez mais pacientes.

Sabe porque a Telemedicina Morsch pode ser a melhor opção para a sua clínica?

Sabe porque a Telemedicina Morsch pode ser a melhor opção para a sua clínica?

Sabe porque a Telemedicina Morsch pode ser a melhor opção para a sua clínica?

Porque ela pode ser uma grande aliada para você que está procurando modernizar o seu negócio.

A Telemedicina Morsch entende que, nos tempos atuais, destacam-se as clínicas que oferecem serviços diferenciados aos pacientes e façam uso dos mais modernos recursos tecnológicos.

A Telemedicina Morsch trabalha com seriedade e competência para que você se sinta satisfeito com os serviços prestados.

O sistema pode ser um grande aliado para você, que procura por uma modernização do seu negócio.

Essa pode ser a chance de você ter os seus laudos liberados em poucos minutos e oferecer um atendimento diferenciado.

Conclusão

A Telerradiologia é uma especialidade dentro da Telemedicina

Como conclusão, podemos observar, que a telerradiologia tem avançado como uma ótima prática para médicos e clínicas de radiologia no mundo todo.

A telerradiologia, embora dependa da tecnologia e internet, pode salvar vidas e ser usada para auxiliar no diagnóstico e na recuperação de uma maneira ágil e prática, além de possuir um excelente custo-benefício em relação aos modelos tradicionais.

A tecnologia surgiu como uma ferramenta para melhorar a vida de todos. Por isso, procure pela Telemedicina Morsch.

A empresa tem como objetivo oferecer um trabalho de qualidade que pode colaborar nos avanços dos seus procedimentos médicos.

Este é um investimento que fará a diferença no conceito do seu atendimento e trará cada vez mais pacientes.

São Camilo reduziu custos da clínica e aumentou mais de 3000% a realização de exames com a Telemedicina Morsch!

Gostou do artigo de hoje? Compartilhe! Não esqueça de assinar nosso blog para receber novidades semanais no seu e-mail.

Se ainda tiver dúvidas ou sugestões de conteúdo para escrevermos, deixe seu comentário, será um prazer interagir com você!

Dr. José Aldair Morsch
Dr. José Aldair Morsch
Cardiologista
Médico formado pela FURG - Fundação Universidade do Rio Grande - RS em 1993 - CRM RS 20142. Medicina interna e Cardiologista pela PUCRS - RQE 11133. Pós-graduação em Ecocardiografia pela PUC-RS. Pós-graduação em Cardiologia Pediátrica pela PUC-RS. Linkedin

COMPARTILHE

Entre em contato por WhatsApp
Enviar mensagem pelo WhatsApp