Saiba os 11 Cuidados ao usar um Eletrocardiógrafo

Por Dr. José Aldair Morsch, 15 de março de 2015
usar um Eletrocardiógrafo

Você conhece todos os cuidados ao usar um eletrocardiógrafo? Saiba que a vida útil dele depende de como ele é tratado durante a execução dos exames.

Acompanhe algumas dicas importantes que trouxemos para ti.

usar um eletrocardiógrafo

Aparelho de ECG V6 HW

Você acaba de receber o aparelho de eletrocardiograma e está curioso em como instalar, como usar um eletrocardiógrafo e trazer o melhor resultado para o seu serviço.

Cuidado, se existem várias pessoas que irão fazer os exames é possível que ele não dure um tempo muito grande sem dar algum problema de manutenção.

A prática é que nos fez acompanhar o que acontece com os aparelhos ao longo dos anos.

Muito bem, para aqueles cuidadosos, que determinam regras de uso do aparelho, que seguem rigorosamente os passos de uso, poderão utilizar o aparelho por pelo menos 20 anos.

Observamos que aqueles que usam o aparelho sem os cuidados sugeridos, em menos de 1 ano já precisam trocar peças, como o cabo que vai no paciente.

Ao usar um eletrocardiógrafo digital, observe os 11 cuidados que devem ser tomados:

1. As partes metálicas do cabo do paciente e os eletrodos não devem tocar nenhuma outra parte metálica, mesmo que esta esteja aterrada;

2. Caso seja necessário o uso do desfibrilador, evite posicionar as pás de aplicação sobre os eletrodos de captação, ou sobre o cabo de paciente;

3. Na eventualidade de ser necessário aplicar um choque de desfibrilador em um paciente monitorizado pelo Eletrocardiógrafo digital, deve-se evitar que o paciente toque qualquer parte metálica do equipamento;

4. O operador nunca deve tocar simultaneamente no paciente e em qualquer parte do sistema (inclusive nos conectores dos cabos ligados ao Módulo);

5. No caso de conexões diretas ao coração do paciente, estas devem ser mantidas isoladas do equipamento.

6. Deve-se sempre tomar o cuidado de evitar causar dobras, torções ou puxões violentos nos cabos do aparelho (particularmente, no cabo de paciente), para não reduzir sua vida útil;

APRENDA COMO CUIDAR DO CABO DO PACIENTE

7. Utilize apenas os acessórios que foram fornecidos junto ao aparelho, adquiridos através do fabricante, ou recomendados por ele;

É possível manusear um eletrocardiógrafo digital com equipamentos cirúrgicos de Alta Frequência, por exemplo o bisturi elétrico.

Porém, deve-se tomar extremo cuidado com a ligação da chamada “placa neutra”.

Se esta ligação apresentar mau contato, ou estiver interrompida, a utilização destes equipamentos oferece o risco de provocar queimaduras no paciente, nos pontos de colocação dos eletrodos;

8- Caso acidentalmente algum líquido caia ao usar um Eletrocardiógrafo, desligue-o imediatamente e envie-o para a revisão;

9- Marcapassos cardíacos ou estimuladores elétricos podem ser mantidos ao usar um Eletrocardiógrafo, porém deve ser observado que a somatória das correntes de fuga desses equipamentos podem ultrapassar os valores máximos admissíveis;

10. Não se deve reutilizar os eletrodos descartáveis;

11. No caso de outros equipamentos elétricos ou eletrônicos serem utilizados no mesmo paciente ou nas suas proximidades, todos deve estar devidamente aterrados (ou seja, deverão estar ligados em tomadas de três pinos, ou então, com seus fios terra ligados em pontos convenientes e interligados).

Estes equipamentos devem estar em acordo com a norma de segurança NBR IEC 60601-1.

Para quem pretende trocar de aparelho de eletrocardiograma, existem muitas marcas no mercado e para auxiliar na escolha, publiquei um post sobre isso.

QUERO CONHECER ALGUMAS MARCAS DE ECG DO MERCADO

Laudos de eletrocardiograma fornecidos na Telemedicina

Existem muitos consultórios e clínicas de medicina ocupacional que não dispõe de cardiologista em tempo integral para realizar a interpretação dos exames.

Para auxiliar nesse necessidade, é possível contratar empresas como a Telemedicina Morsch que disponibiliza uma plataforma em nuvem que atende essa necessidade, fornecendo os laudos de eletrocardiograma digital e outros exames em 30 minutos.

QUERO FAZER UM ORÇAMENTO PARA USAR A TELEMEDICINA MORSCH

Ainda uso um aparelho de eletrocardiograma analógico, posso enviar para a telemedicina?

Para clientes que possuem aparelho de eletrocardiograma que registram os traçados em papel, desenvolvemos uma estrutura que recebe os exames fotografados por whatsapp com alta definição e que supre as necessidades de todos os clientes.

Basta entrar em contato e solicitar auxílio.

Não tenho aparelho de ECG digital próprio, vocês alugam?

A prática de aluguel em comodato está consagrada na medicina, tanto médicos quanto hospitais estão usando desse recurso.

O cliente recebe o equipamento, paga uma mensalidade e recebe mensalmente 30 laudos médicos gratuitos.

QUERO ENTENDER MAIS SOBRE COMODATO DE ECG

Em resumo, vale a pena cuidar ao usar eletrocardiógrafo digital evita gastos desnecessários ao longo do tempo que se traduz em lucro para qualquer empresa.

Procure fazer uma rotina para ser seguida, evitando assim o desgaste precoce do aparelho de eletrocardiograma de sua clínica.

Gostou do assunto? Compartilhe com os amigos nas suas redes sociais.

Assine nosso blog e recebe conteúdos como esse no seu e-mail toda semana!

Dr. José Aldair Morsch
Dr. José Aldair Morsch
Cardiologista
Médico formado pela FURG - Fundação Universidade do Rio Grande - RS em 1993 - CRM RS 20142. Medicina interna e Cardiologista pela PUCRS - RQE 11133. Pós-graduação em Ecocardiografia pela PUC-RS. Pós-graduação em Cardiologia Pediátrica pela PUC-RS. Linkedin

COMPARTILHE

Entre em contato por WhatsApp
Enviar mensagem pelo WhatsApp