Economize nos laudos médicos usando a Telemedicina

Por Dr. José Aldair Morsch, 22 de outubro de 2015
economia nos laudos médicos

É possível buscar economia nos laudos médicos de sua clínica usando a Telemedicina.

Ter disponível um especialista em tempo integral é muito oneroso e fazer isso para várias especialidades é inviável.

Vamos demonstrar que a Telemedicina supre essa necessidade e traz economia nos laudos médicos de sua clínica.

Como é possível ter economia nos laudos médicos?

Para buscar economia no laudos médicos é preciso aliar tecnologia da informação, internet e medicina. Esses ingredientes juntos criaram a Telemedicina que promove benefícios aos usuários como hospitais, clínicas, consultórios, empresas de medicina do trabalho e principalmente os pacientes.

A Telemedicina diminui custos, burocracia e conecta médicos, pacientes e hospitais.

Solicite um orçamento

Essa especialidade não é tão nova, já existe desde a época do telefone, porém, explodiu com o advento do computador e internet.

Quero saber mais sobre Telemedicina

Cuidar da saúde nem sempre foi uma tarefa fácil, embora seja uma necessidade constante.

As tecnologias aplicadas ao campo da Medicina avançaram no tratamento de diversas patologias.

No entanto, um fator ainda parece ser motivo de pouco acesso para vários pacientes e também das Clínicas onde realizam os exames é o custo dos serviços de saúde.

Trata-se dos altos preços que os cuidados com a saúde requerem.

Sem contar, é claro, que a assistência médico-hospitalar nem sempre encontra-se acessível a todos. O Sistema Único de Saúde não absorve toda a população e os planos de saúde privados fornecem serviços para classes A e B.

Às vezes é por questões financeiras, em outras é a distância que atrapalha o paciente de obter informações sobre seus problemas médicos.

A Telessáude ou Telemedicina, porém, revolucionaram o modo como os exames clínicos podem ser realizados.

Qual a diferença entre Telemedicina e Telessaúde?

Ela amplia a cobertura e a assistência profissional por meio de serviços ofertados com o auxílio das tecnologias de informação.

Assim, torna-se possível fazer o intercâmbio de informações de saúde, sejam essas para a redução do risco de uma doença ou até mesmo para obter laudos médicos.

Os 10 principais objetivos das empresas de Telemedicina

Os objetivos da Telemedicina são:

1- A melhoria na assistência básica à saúde

2- A disponibilidade de informações e recursos para uma maior educação médica.

3- O uso das tecnologias de telecomunicação e informação no campo médico é aplicado, geralmente, em instituições de saúde e em hospitais para atendimento, realização de exames, treinamento á distância, educação á distância.

4- Esses locais frequentemente buscam o diálogo com outras instituições a fim de cruzar informações, feito por teleconferências.

5- A telemedicina também é utilizada para prestar assistência a pacientes idosos, crônicos, pacientes que possuem dificuldades de locomoção. Esse serviço reduz o tempo de internação e também evita reinternação precoce.

6- E até mesmo gestantes de alto risco que necessitam de repouso e monitorização contínua dos sinais vitais da mãe e feto.

7- Serve ainda como mecanismo para publicação de artigos científicos, auxílio diagnóstico e a divulgação dos resultados laboratoriais, exames de imagem como radiologia geral, tomografia, ressonância magnética.

8- A área envolve teleconferências ao vivo, coleta de exames a distância e a análise em tempo real dos dados coletados. Basta, para isso, que haja acesso à Internet.

9- E se o propósito é ampliar o acesso e melhorar a qualidade dos atendimentos, a telemedicina é fundamental no campo da Medicina do Trabalho. Enquanto uma cuida da manutenção da saúde do trabalhador, a Telemedicina desconsidera as distâncias e oferece agilidade na hora de realizar exames ocupacionais.

10- Além disso, a Telemedicina aumenta a produtividade da empresa, uma vez que a documentação referente à saúde do trabalhador é feita em uma velocidade maior.

Exames na Telemedicina com laudo a distância

Para alguns exames, como eletrocardiograma, eletroencefalograma, espirometria, Mapa de pressão arterial e Holter  as tecnologias de informação são grandes aliadas.

Com os eletrocardiógrafos digitais, é possível fazer a realização de exames, a transmissão de dados e a análise a distância.

Os dados são enviados para a central de Telemedicina, os médicos conseguem estabelecer os diagnósticos e realizar o acompanhamento com o paciente.

A Telemedicina e o comodato de aparelhos médicos

Pensando em redução de custos, que tal receber o aparelho sem precisar comprar? O cliente que recebe o aparelho médico em comodato, paga uma mensalidade e recebe de cortesia 30 laudos mensais.

Claro que se o cliente já possuir o equipamento, não pagará nenhuma mensalidade, apenas irá pagar pelos laudos dos exames que enviou.

Quero conhecer um curso de telemedicina

A maioria dos exames podem ser enviados para a Telemedicina

Os laudos médicos, contudo, podem ser feitos para diversos exames, fora o eletrocardiograma.Vejamos a lista:

  • Eletrocardiograma de repouso
  • Eletrocardiograma de esforço
  • Espirometria Clínica
  • Espirometria Ocupacional
  • Eletroencefalograma Clínico
  • Eletroencefalograma Ocupacional
  • Eletroencefalograma com Mapeamento Cerebral
  • Mapa de pressão arterial
  • Holter de ECG 24 horas
  • Densitometria óssea
  • Radiologia geral
  • Mamografia
  • Tomografia
  • Ressonância Magnética

Prazos de entrega menores para alguns exames ocupacionais, como Eletrocardiograma, Mapa de pressão arterial, mapeamento cerebral e espirometria, também advêm da telemedicina. Imagine receber o laudo em 30 minutos!

Quero entender mais sobre o comodato

A Telemedicina desafoga os hospitais

Muitos pesquisadores apontam a área da telemedicina como uma estratégia para superar o grande número de usuários do sistema público de saúde, o que facilitaria o atendimento.

Usar uma central de laudos implica em agilidade, especialistas disponíveis em tempo integral e segunda opinião no resultado dos exames. Em alguns países, o uso desta plataforma está em crescente expansão.

É o caso, por exemplo, dos EUA, Austrália, Canadá e países escandinavos.

Regulamentação da Telemedicina

No nosso País já temos a Sociedade Brasileira e Telemedicina e Telessaúde que regulariza o seu funcionamento.

É ainda um órgão pequeno, poucos integrantes, mas que cresce a cada ano, incentivando o uso da especialidade e fazendo congressos nacionais a cada 2 anos e regionais todos os anos.

Quem regulamenta a telemedicina lá fora é a American Telemedicine Association (ATA), um órgão estadunidense.

De acordo com a ATA, essa estratégia da medicina é capaz de reduzir custos, ampliar a atuação médica, diminuir a lotação dos hospitais e servir de atendimento informacional. Um exemplo de empresa norte-americana do ramo é a NuPhysicia, especialista em telemedicina por conferência.

No Brasil, não só é possível também diminuir os custos, como algumas experiências que já foram iniciadas.

No Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, a telemedicina já vem sendo usada desde 1998. No ano de 2006, 60 eventos assim foram programados e 21 desses ligaram o hospital a diversas outras instituições.

Telemedicina reduz custos nos laudos sim!

Se é para diminuir custos e aumentar a capacidade profissional, a telemedicina parece ser a saída para muitos dos problemas de saúde que os cidadãos enfrentam hoje.

Em resumo, em tempos de crise e de altos custos médicos, a telemedicina é uma alternativa segura, eficaz e econômica para poupar tempo, dinheiro e estresses em vão. Vale a pena aderir a essa especialidade e trazer maior qualidade no atendimento em regiões carentes de especialistas.

Compartilhe o assunto nas redes, assine nosso blog e receba novidades!

Dr. José Aldair Morsch -Cardiologista – Especialista em Telemedicina

Dr. José Aldair Morsch
Dr. José Aldair Morsch
Cardiologista
Médico formado pela FURG - Fundação Universidade do Rio Grande - RS em 1993 - CRM RS 20142. Medicina interna e Cardiologista pela PUCRS - RQE 11133. Pós-graduação em Ecocardiografia pela PUC-RS. Pós-graduação em Cardiologia Pediátrica pela PUC-RS. Linkedin

COMPARTILHE

Entre em contato por WhatsApp
Enviar mensagem pelo WhatsApp