Cresça usando a técnica de Growth Hacking e a Telemedicina juntos

Por Dr. José Aldair Morsch, 2 de novembro de 2017
Growth Hacking

Já se foi o tempo em que negócios se consolidavam sem o desenvolvimento de estratégias. 

Atualmente é preciso utilizar novas técnicas como o Growth Hacking. E com o avanço da tecnologia e a facilidade na comunicação virtual, elaborar um plano que trace os objetivos da empresa e sua forma de execução é bastante importante.

Mas, quando nos referimos a empresas, não estamos considerando apenas indústrias ou empreendimentos que atuem no ramo de produção.

Na área médica, além das fábricas farmacêuticas, os consultórios e clínicas também possuem o funcionamento de empresa.

Isto ocorre porque o atendimento envolve capital, que é redirecionado ao pagamento de funcionários e aos investimentos dentro do próprio local.

Por isso, o funcionamento de clínicas e consultórios não foge às estratégias implantadas pelas empresas.

Solicite um orçamento

Atualmente, o marketing tem se desenvolvido com o objetivo de tornar o alcance dos serviços de uma empresa ainda mais amplos, de modo que o seu público e sua capacidade de aprimorar o serviço oferecido se otimizem.

Com o avanço da internet, então, o marketing se tornou ainda mais importante para uma empresa. Graças as diferentes estratégias estabelecidas pela área, atingir um público está cada vez mais fácil.

As ferramentas online de marketing variam entre aplicação e medição de resultados. Como são redes eletrônicas, através delas se torna muito mais fácil conhecer os resultados de uma campanha, por exemplo.

Ao conhecer os resultados, a empresa também pode aplicar mudanças e investir no que está dando certo. Nesse post vamos falar sobre uma técnica utilizada em diversas empresas, o Growth Hacking.

Growth Hacking: o que é?

O conceito de Growth Hacking está ligado a dois termos em inglês muito conhecidos na língua portuguesa.

O conceito de hacking, por exemplo, relembra a utilização da tecnologia para penetrar em informações confidenciais, entre outros tipos de atividade tecnológica. Já o termo Growth remete ao crescimento de algo.

No entanto, o conceito de Growth Hacking está muito longe de ser um estímulo à atividade hacker como a conhecemos tradicionalmente.

Apesar de também fazer uso da tecnologia, diferente da atividade do hacker, o Growth Hacking desenvolve através da internet estratégias para estimular o crescimento de uma empresa.

Isto é, utilizando ferramentas digitais e análise de dados, esta técnica tem como objetivo buscar possibilidades pela internet para desenvolver seus negócios, aplicando e avaliando seus resultados.

Um exemplo de aplicação de Growth Hacking é o site Airbnb. A proposta da plataforma, a princípio, despertou a desconfiança de muitas pessoas, afinal, nem todos confiam em alugar cômodos em suas casas como se fossem hotéis.

A insegurança se tornou um dos maiores desafios do site. No entanto, não demorou muito para que o problema fosse resolvido com uma estratégia de Growth Hacking.

O Airbnb investiu em uma integração com Craigslist, site que possibilita anunciar de forma grátis na internet.

Desse modo, toda vez que alguém interagia com um anúncio promovido pelo site, era direcionado para a página da Airbnb. Assim, o público pode conhecer melhor a proposta da plataforma, tornando-se um serviço consolidado atualmente.

Aplicando o Growth Hacking na sua empresa

Grandes sites como o Airbnb, Facebook e Youtube utilizam estratégias de Growth Hacking. No entanto, a técnica não está limitada a empresas de âmbito mundial. Já são diversas as corporações e indústrias que utilizam o Growth Hacking para tornar o seu negócio mais atraente e visível ao público.

Considerando estas características, você também pode aplicar as estratégias ao seu consultório ou clínica.

Confira os 3 passos para ter sucesso com o Growth Hacking!

1- Equipe especializada: para desenvolver estratégias de Growth Hacking, é necessário contar com uma equipe com serviços especializados.

Nessa dinâmica, o grupo deve ter ao menos uma pessoa especializada no canal de abordagem, profissionais voltados à sistematização e análise de dados, entre outras funções técnicas como designers, copywritters e hackers.

2- Escolha um canal: Para tornar sua estratégia de Growth Hacking mais eficiente, é necessário escolher um canal onde a técnica será aplicada. Isso não significa que outros canais também possam utilizar o método, porém, para cada canal deve ser pensada uma forma de agir.

Para escolher esse canal, foque no tipo de ação que você quer implementar e, juntamente com a equipe, avalie a rede ideal para a aplicação.

3- Buscando auxílio especializado sem gastar muito: Atualmente, existem diversos fóruns gratuitos que oferecem noções e direcionamentos para quem quer aplicar o Growth Hacking na sua empresa.

Conhecendo mais exemplos e sugestões para diferentes tipos de negócio, é possível elaborar uma forma de aplicação que esteja de acordo com a sua empresa e com os seus ideais.

Como a Telemedicina Morsch pode auxiliar?

A implementação de diferentes tipos de tecnologia em uma empresa pode facilitar a aplicação de estratégias de Growth Hacking. No caso das empresas médicas, como consultórios e clínicas, a utilização de plataformas de telemedicina representa um avanço na hora de divulgar um serviço.

Como oferece um trabalho diferenciado em aspectos de qualidade e velocidade, investir em canais que possam evidenciar esse destaque é uma forma de aliar a utilização de um serviço eficiente com o ganho de clientes.

A plataforma de telemedicina Morsch é um referencial na área por oferecer serviços a tempo real. O médico que utiliza a ferramenta tem acesso a uma plataforma virtual, onde pode submeter os dados e resultados de coletas de exame.

Após a inserção das informações, um profissional especializado realiza a análise dos dados e elabora o laudo do exame, que é enviado imediatamente ao médico. Entre os diferenciais do serviço, está a possibilidade de entrar em contato com o especialista para tirar dúvidas e receber sugestões sobre o laudo.

Com uma plataforma de telemedicina, o médico tem acesso aos dados de seus pacientes de forma sistematizada e disponível virtualmente para qualquer situação.

Pensando em uma ferramenta de Growth Hacking, os dados podem se mostrar interessantes para traçar um perfil de público, por exemplo.

Isto é, analisando as informações disponibilizadas, a empresa tem acesso ao tipo de cliente que busca os seus serviços, e assim, pode direcionar as suas estratégias de marketing mais diretamente.

Apesar de se tratar de um serviço que facilita o trabalho médico e promove o bem estar dos pacientes, a utilização da plataforma de telemedicina Morsch também se mostra interessante para a promoção de estratégias de marketing.

O uso de ferramentas tecnológicas que estão à frente no mercado também é uma forma de estimular o público através de publicidades.

Evidenciar a agilidade dos serviços através de uma plataforma renomada é uma das maneiras que a estratégia pode ser aplicada.

Por fim, contar com um serviço eficiente em todas as suas características mostra compromisso e preocupação com o paciente.

Não deixe de evidenciar isso nas suas técnicas de marketing: elas podem se mostrar valiosas para o crescimento da sua empresa.

Gostou do assunto? Compartilhe com os amigos que poderão se beneficiar com essa tecnologia!

Dr. José Aldair Morsch
Dr. José Aldair Morsch
Cardiologista
Médico formado pela FURG - Fundação Universidade do Rio Grande - RS em 1993 - CRM RS 20142. Medicina interna e Cardiologista pela PUCRS - RQE 11133. Pós-graduação em Ecocardiografia pela PUC-RS. Pós-graduação em Cardiologia Pediátrica pela PUC-RS. Linkedin

COMPARTILHE

Entre em contato por WhatsApp
Enviar mensagem pelo WhatsApp